27ª Feicoop vai ocorrer de 3 a 10 de outubro

O Projeto Esperança/Cooesperança bateu o martelo: a 27ª edição da Feira Internacional do Cooperativismo (Feicoop) está confirmada para 2021. O tradicional evento de Economia Solidária será realizado entre os dias 3 e 10 de outubro, em Santa Maria-RS. 

Em reunião realizada na tarde de quarta-feira (14), no Banco da Esperança, o colegiado do Projeto Esperança/Cooesperança definiu que entre os dias 3 e 7 de outubro a Feicoop ocorrerá on-line, em modelo semelhante ao realizado na edição especial de 2020. Já entre 8 e 10 de outubro, a Feicoop será presencial, seguindo todos os protocolos sanitários contra a disseminação do covid-19.

Mantendo a tradição cultural da Feicoop, no dia 3 de outubro está previsto um show de abertura com transmissão pelas redes sociais e, no dia 7, a realização on-line da Plenária Nacional de Economia Solidária. Outras atividades virtuais serão divulgadas após o colegiado do Projeto Esperança/Cooesperança dialogar com entidades parceiras do evento, como Cáritas, Movimentos Sociais, organizações, entre outras.

A feira presencial ocorrerá no Centro de Referência de Economia Solidária Dom Ivo Lorscheiter, onde todos os sábados é realizado o Feirão Colonial. O evento terá o comércio de produtos oriundos da agricultura familiar e realização de atividades autogestionárias.

“A Prefeitura de Santa Maria publicará um decreto com o regramento para a Feira e nós seguiremos todas as determinações, sem exceção. Mesmo com o avanço da vacinação, ainda estamos preocupados com o coronavírus, mas entendemos que poderemos realizar parte da Feicoop de forma presencial, em outubro, seguindo os protocolos sanitários”, explica a coordenadora do Projeto Esperança/Cooesperança, irmã Lourdes Dill.

A feira presencial ocorrerá apenas nos turnos da manhã e à tarde. Não haverá presença de expositores de fora do Rio Grande do Sul e da América Latina. Os eventos autogestionários (palestras, oficinas, seminários…) terão público reduzido e alguns deverão ser transmitidos pelas redes sociais.

Para sua realização, a Feira conta com emendas parlamentares que estavam previstas para a edição presencial que aconteceria em julho de 2020, mas que devido a pandemia precisou ser reformulada para a edição especial on-line. A captação dos recursos é organizada pela professora da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Gisele Guimarães, que atua na assessoria da Feicoop.

A Feira

A Feicoop é uma grande escola de organização, formação de convivência, do voluntariado e dos Movimentos Sociais e Economia Solidária. São 28 anos de construção coletiva e interativa. É um braço do Fórum Social Mundial, que constrói um “Outro Mundo Possível” e uma “Outra Economia que já Acontece!”.

Durante a Feicoop ocorrem práticas do comércio justo e consumo ético e solidário, trocas solidárias com moeda social e atividades culturais, de formação e interação com debates sobre organização social, educação alimentar, sustentabilidade, reforma agrária, cooperativismo, agroecologia, entre outros.

A Feicoop é organizada pelo Projeto Esperança/Cooesperança e Banco da Esperança, braços da Arquidiocese de Santa Maria; Cáritas Brasileira e Cáritas Regional Rio Grande do Sul; Universidade Federal de Santa Maria (UFSM); Instituto Federal Farroupilha (IFFar) e Prefeitura Municipal de Santa Maria; com apoio de diversas entidades e instituições.

Informações: Maiquel Rosauro / Assessoria de Imprensa do Evento

Foto divulgação

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Avenida Rio Branco, 809  –  Centro  –  Santa Maria/RS  –  CEP 97010-423