“Está não é a nossa única batalha. Estamos lutando pelos direitos civis”- reunião do Cpers aconteceu na tarde desta segunda-feira

A tarde de segunda-feira(18) foi de mobilização para os educadores que fazem parte do Sindicato dos Professores e Funcionários de Escola do Estado do Rio Grande do Sul (Cpers/Sindicato). Oficialmente, hoje é o primeiro dia da greve dos professores estaduais. Uma greve em resposta as medidas propostas pelo governador Eduardo Leite, desde o pagamento em dia, as medidas contrárias a previdência social e a carreira dos educadores. A greve é contra os projetos, encaminhados ao Legislativo, pelo Governo do Estado e que modificam o plano de carreira dos servidores públicos e o sistema de aposentadorias.

Em Santa Maria, a reunião aconteceu na sede do Cpers, a partir das 16h, com diversos representantes de escolas estaduais de Santa Maria. Entre as principais pautas analisadas pelo grupo: movimento inicial nas escolas na adesão a greve, analise da conjuntura social com as primeiras ações, mobilizações na rua e a adesão da categoria. “Esta não é nossa única batalha. Estamos lutando por direitos civis. A população precisa entender que isso não apenas afeta apenas os professores e servidores, mas todos que buscam por uma vida digna como trabalhadores”, disse um dos membros da categoria durante a reunião.

Inicialmente, o grupo irá nas escolas que já possuem certa adesão, com o intuito de melhorar o alcance sem perder o principal objetivo: mostrar os reflexos negativos que as medidas do Governo do Estado levarão para a comunidade, não apenas para os servidores, mas para toda à população que “sofrerá com a destruição da escola pública”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Avenida Rio Branco, 809  –  Centro  –  Santa Maria/RS  –  CEP 97010-423