Inicia 7ª Carreteada da Canção e Poesia Nativa

Doze crianças e adolescentes estão responsáveis por fortalecer a cultura popular gaúcha neste final de semana. É que, na manhã desta sexta-feira (29), começaram as apresentações da categoria Infantojuvenil da 7ª Carreteada da Canção e Poesia Nativa. É a primeira vez que é realizada uma competição específica para os artistas mirins dentro de uma carreteada. Os artistas da categoria Adulta vão começar a se apresentar à noite.

Alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) José Paim de Oliveira, que fica em São Valentim, fizeram a apresentação de abertura do evento. Eles interpretaram coreografias de danças tradicionais gaúchas, como chamamé, maçanico, xote carreirinha, tatu de castanholas, caranguejo e rancheira. O grupo, criado em 2017, inclui estudantes do 6º ao 9º anos.

De acordo com a coordenadoria do evento, Iara Druzian, as apresentações vão até as 16h, em um salão da Colônia Toniolo, que fica no Distrito de São Valentim. Às 20h30min, serão divulgados os vencedores e será entregue a premiação. Dez iPhones doados pela Receita Federal são os prêmios.

O evento

Foram inscritas 170 músicas e 90 poesias para competir na categoria principal da 7ª Carreata da Canção e Poesia Nativa. Após triagem, a organização do evento escolheu 16 músicas e oito poesias originais. As apresentações vão ocorrer desta sexta-feira (29) até domingo (1º). Os homenageados são o patrono, Júlio Toniolo, e o escritor Humberto Gabbi Zanatta.

O evento tem apoio da Prefeitura de Santa Maria, da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e da 13ª Região Tradicionalista (13ª RT). A promoção é da Associação Comunitária das Colônias Conceição e Toniolo. A realização é de Iara Druzian. Já o Financiamento é da Lei de Incentivo à Cultura (LIC).

Informações e imagens da PMSM.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Avenida Rio Branco, 809  –  Centro  –  Santa Maria/RS  –  CEP 97010-423