Leite antecipa que todo o RS entra em bandeira preta a partir de sábado

O governador Eduardo Leite antecipou, em transmissão ao vivo na tarde desta quinta-feira (25), que todo o Estado do Rio Grande do Sul será colocado em bandeira preta na nova rodada de classificação do modelo de distanciamento controlado, o que ocorrerá nesta sexta-feira (26). 

O que pode e o que não pode em bandeira preta

O cumprimento das normas de etiqueta preta, próximas de um lockdown, valerá a partir de sábado (27), sem possibilidade de os prefeitos abrandarem as regras nas suas cidades devido à suspensão do método de cogestão. Normalmente, os anúncios do mapa preliminar são feitos na sexta-feira e as regras são válidas a partir da terça-feira seguinte, mas o governo alterou esta regra.

Leite explicou que, diante do agravamento da pandemia, será acionada uma “salvaguarda” para criar uma bandeira única em todo o Estado, e não mais uma tarja para cada uma das 21 regiões da covid-19. 

Essa “salvaguarda”, diz Leite, será acionada porque a relação entre leitos de hospitais disponíveis e ocupados está em 0,23, abaixo da linha limite de 0,35.  

Por isso, disse Leite, diante de um esgotamento do sistema de saúde em nível estadual, os critérios da bandeira preta terão de ser cumpridos por todas as regiões pelo menos entre sábado e o dia 7 de março, um domingo. 

Esta reportagem está em atualização

Fonte: GZH

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Avenida Rio Branco, 809  –  Centro  –  Santa Maria/RS  –  CEP 97010-423