Para atender as demandas do Restaurante Universitário, UFSM irá reduzir vigilantes e diárias para viagens

O contingenciamento de verbas pelo Governo Federal para as instituições federais de ensino tem trazido reflexos na Universidade Federal de Santa Maria. Conversamos com o vice-reitor Luciano Shuch, que destacou as principais mudanças a partir do mês de outubro.

“Nosso Restaurante Universitário atende aproximadamente 9 mil pessoas por dia. Existe uma verba garantida pelo Governo Federal para a UFSM, no entanto, ainda assim gastamos com recursos próprios em complementação quase 9 milhões por ano”, explicou o vice reitor.

Imagem/Divulgação Pessoal

Shuch informou ainda que os recursos que o aluno paga para se alimentar no Restaurante Universitário, são enviados para a conta da União e não retorna para a universidade, ou seja, o valor arrecadado não fica com a instituição. “Essa complementação está fazendo falta, e por isso estamos realizando um contingenciamento dos recursos. Como adequações no cardápio, por exemplo: o bife acebolado que era servido todas as semanas, agora, passa a ser ofertado a cada quinze dias, assim como o frango que será servido duas vezes por semana. Tudo isso, para garantir as refeições até o final do ano”, explicou o vice-reitor Luciano Shuch.

Shuch destacou ainda que as medidas não devem sofrer grandes alterações, a tudo o que já esta sendo realizado. “Iniciamos as reduções de diárias para viagens, redução de vigilantes no campus e outras ações para garantir o recurso para o restaurante universitário”, finalizou o vice-reitor.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Avenida Rio Branco, 809  –  Centro  –  Santa Maria/RS  –  CEP 97010-423