Presidente do Sindicam descarta greve dos caminhoneiros na região central

Em entrevista na manhã desta segunda-feira, dia 1º de Fevereiro, para o programa 102.7 Em Notícias o Presidente do Sindicato dos Caminhoneiros Autônomos e Transportadores Autônomos de Bens de Santa Maria e Região Central (Sindicam), Mariano da Costa Jr. declarou que nesse momento o Sindicato aqui de Santa Maria e várias entidades do estado não se manifestaram sobre a adesão a greve dos caminhoneiros, com exceção do Sindicato de Rio Grande.

Nas palavras do presidente ele declarou que: “esse não é o momento para essa paralisação em função do momento que vivemos de pandemia”. “Inclusive houve uma reunião no último dia 25 de Janeiro, onde todo o estado do Rio Grande do Sul e outras confederações que fazem parte da confederação nacional entenderam por não paralisar, não apoiar essa manifestação”. Concluiu o Presidente do Sindicam.

O presidente reconhece que a greve é justa pelo ponto de vista dos caminhoneiros autônomos, pois essa categoria é uma espécie de “filho rejeitado” da cadeia de transporte, o caminhoneiro autônomo é único, é só ele. “Motorista autônomo não tem ponto de parada, não tem ponto de descanso nas estradas, e não possuem uma área de segurança para deixar o caminhão”, pontua o presidente Mariano.

Nossa reportagem questionou o presidente sobre o preço do Diesel e como isso afeta a categoria dos caminhoneiros. Mariano da Costa Jr. explica que o aumento do Diesel afeta principalmente o valor do frete, e esse preço é tabelado. “Existe uma tabela para o preço mínimo do frete que deve ser cobrado, mas ela não é respeitada, porque não existe fiscalização. A própria Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), ela não tem estrutura para fiscalizar, eu inclusive solicitei que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) ou a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), fizesse a fiscalização diariamente”, disse o presidente do Sidicam.

Nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira, 1º de Fevereiro, ainda não foram registrados bloqueios e manifestações de protestos em nosso estado e em outras regiões do Brasil, seguiremos acompanhando as movimentações dos caminhoneiros e qualquer nova informação será trazida ao longo da programação.

Foto destaque: Rodolpho Bohrer

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Avenida Rio Branco, 809  –  Centro  –  Santa Maria/RS  –  CEP 97010-423